Tecnocarne Digital faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

distribuição alimentos.jpg

Ações momentâneas para a retomada de vendas

Indústria e distribuidores precisam estar prontos para a retomada de vendas. Veja ações que podem ser aplicadas desde já.

Neste momento em que as operações de alimentação fora do lar somente podem atuar por lei através de delivery, take away/grab an go e drive thru, precisamos ajustar a nossa oferta de produtos e serviços para esses modelos de venda.

As pessoas têm medo daquilo que desconhecem, e de cara para o desconhecido o cérebro provoca uma serie de sensações como medo, dúvida, angústia, desesperança, tristeza e até o desespero.

Nosso papel como líder neste momento, e dentro do possível, é apontar para um cenário de trânsito e saída de uma crise.

Esse papel deve ser exercido com a equipe, clientes e parceiros do negócio.

Sugiro aqui uma série de ações, a fim de reduzir os danos e construir um plano para a retomada das vendas:

1: Manter o moral da equipe de vendas em alta

- Manter aberto o canal conversa com os times, principalmente os mais distantes;

- Deixar claro como a empresa vai se comportar neste momento e nos seguintes;

- Passar uma ideia, uma previsibilidade de futuro;

- Compartilhar Insights de oportunidades de vendas;

- Não deixar a equipe ficar ociosa, construa atividades pensando na retomada das vendas, um futuro, mostre que ele virá;

- Construir um plano de transição para cada praça: novos canais, novos clientes, aumentar SKU por cliente;

- Mostre para o time como ajudar os clientes a passar por esse período de vendas baixas.

2: Base de clientes e prospecções

- Alimentos portáveis como pizza, lanches, tacos e outros que não precisam de talheres e mesa para consumo e tem custos baixos, cresceram ou mantiveram sua venda no delivery;

- Ofertar produtos que façam sentido para esse tipo de operação;

- Agregar no portfólio produtos que façam sentido para esse canal, com novos fornecedores ou com os atuais;

- Vender mais SKU´s para os clientes atuais, abris clientes está mais difícil nestes tempos;

- Equipe precisa ser consultiva, mais do que nunca, levar ideias para o cliente se ajustar aos novos modelos de vendas de comida pronta;

- Levar ao clientes novas fichas técnicas, com montagens de refeições mais econômicas ou mais ajustadas a um delivery;

- Muitos ficarão inadimplentes com fornecedores atuais e buscarão alternativas com novos fornecedores;

3: Finanças

- Pense que essa crise de liquidez nos Operadores de Food Service deve se manter ainda por alguns meses, ainda estaremos falando disso por muito tempo;

- Definir uma política de crédito para o momento, onde a inadimplência deve crescer, considerando perfis diferentes: Encerrou a operação; Fechou temporariamente; Operando com delivery;

- Quem oferecer um apoio ao cliente neste momento, acredito que será reconhecido no futuro;

- Reduzir o tamanho do negócio para evitar calotes pode ser uma alternativa para o momento;

- Habilite a venda para cartão de crédito para PJ e PF;

- Oferte descontos para pagamento à vista

4: Logística e pedidos mínimos

- Reduza seu pedido mínimo ou vai perder venda para o Cash&Carry;

- Refaça seus roteiros de forma a reduzir a frota, e fazer mais rotas em um mesmo dia;

- Oriente a equipe de entrega a evitar o contato físico com o cliente, de forma sutil para não aprofundar o pânico;

- Se possível, oferte a venda com desconto para ser retirada pelo cliente.

 

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar