Tecnocarne Digital faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

cuidados frigorifico.jpg

Covid-19: Como evitar contaminação no frigorífico

Como evitar contaminação no frigorífico por Covid-19? Veja algumas ações que frigoríficos podem tomar para deixar o novo coronavírus longe dos colaboradores.

A contaminação pelo novo coronavírus (Covid-19) é uma das grandes preocupações da atualidade. A mesma preocupação vem ocorrendo em frigoríficos, responsáveis por empregar milhões de brasileiros em suas plantas espalhadas pelo país e que precisam criar ações de como evitar contaminação no frigorífico por Covid-19.

A grande maioria dos frigoríficos brasileiros já apresentam um protocolo de higiene bastante intenso e rigoroso, fato esse que ajuda na redução de casos de contaminações externas, tanto dos produtos cárneos, quanto dos colaboradores.

Mas, com a atual crise de saúde mundial é fundamental que os frigoríficos não relaxem nos cuidados e invistam ainda mais em higiene e ações extras para deixar o novo coronavírus longe da planta frigorífica e de seus colaboradores.

Essas empresas precisam se perguntar continuamente: Como evitar contaminação no frigorífico e deixar a Covid-19 longe dos colaboradores?

Certamente, muitas ações podem ser tomadas. Podemos tomar como exemplo o caso da Marfrig, uma das companhias líderes em carne bovina no mundo. A empresa adotou uma série de medidas em todas suas plantas e escritórios do Brasil e da América do Sul visando maior monitoramento e prevenção à COVID-19.

Saiba quais são essas medidas e veja como evitar contaminação no frigorífico por Covid-19.

Como evitar contaminação no frigorífico por Covid-19?

Para maior monitoramento e prevenção à Covid-19, a Marfrig adotou uma série de medidas em todas as suas unidades de produção e escritórios, localizados no Brasil e nos demais países sul-americanos onde atua (Argentina, Uruguai e Chile).

Segundo a empresa frigorífica, as ações são definidas e acompanhadas por um comitê permanente e seguem todas as diretrizes estabelecidas pela Organização Mundial da Saúde e pelo Ministério da Saúde.

Entre as medidas adotadas pela Marfrig estão:

  • Aferição diária da temperatura corporal de todos os 18 000 funcionários. “Essa aferição é realizada antes do início das atividades, de modo preventivo em nossas barreiras sanitárias”, explica a empresa;
  • Aumento dos intervalos entre os turnos de trabalho; e
  • Redução do fluxo de pessoas nos refeitórios.

Além disso, as unidades foram todas sinalizadas para que os colaboradores mantenham a distância recomendada pelas autoridades de saúde.

Já os colaboradores com mais de 60 anos de idade, grávidas, portadores de doenças crônicas e indivíduos com sintomas de gripo foram afastados preventivamente, deixando-os em quarentena preventiva.

Transporte de colaboradores: cuidados extras =

Outra grande preocupação de como evitar a contaminação no frigorífico tem relação com o transporte de colaboradores. Segundo a empresa frigorífica, o transporte dos colaboradores também é um procedimento que recebeu cuidados extras bastante importantes.

Um dos cuidados foi a circulação dos ônibus que aumentou significativamente, com os horários sendo ajustados para evitar a aglomeração, como indica em nota a empresa.

Além do espaço nas filas para pegar o transporte seguir a distância pré-estabelecida pelas autoridades competentes, os veículos estão circulando com suas capacidades reduzidas para evitar aglomeração”.

Segundo as informações, todos os veículos de transporte são também desinfectados continuamente com produtos apropriados.

Saúde e segurança de colaboradores é prioridade absoluta

Além das medidas de higiene para o transporte e das dependências das suas unidades, a Marfrig ressalta que há também a constante limpeza e desinfecção de maçanetas, uniformes, mesas, botões e equipamentos de trabalho com esse processo sendo feito mais vezes ao dia.

Além disso, outra medida de como evitar contaminação no frigorífico, a Marfrig ampliou os reservatórios de álcool em gel em todas as unidades. Outra medida de segurança são as visitas às unidades de produção que até segunda ordem foram suspensas.

A saúde e a segurança de nossos colaboradores e de suas famílias é, juntamente com a garantia de abastecimento e a manutenção da prestação de serviços aos clientes, nossa prioridade absoluta”, diz Miguel Gularte, diretor-presidente da Marfrig.

Também foram criadas campanhas educacionais de conscientização dos empregados para prevenção da doença, com publicações em mídias internas, confecção de banner e folders com orientações sobre o que é o Covid-19, seus sintomas, meios de transmissão, ações de prevenção e formas de tratamento.

Dessa forma, as medidas adotadas de como evitar contaminação no frigorífico são essenciais para garantir a segurança da produção, evitando casos de abastecimento de proteína animal para a população em geral caso o frigorífico precise fechar.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar